Como as pessoas emocionalmente inteligentes lidam com sabedoria com seus problemas

Eu sei algo sobre você…

Independentemente de quem você é, posso garantir que estas três palavras se aplicam a você:

Você tem problemas.

A questão é: como você lida com esses problemas? A resposta a essa pergunta é fundamental para quase todos os aspectos da sua vida.


O poder de enfrentar seus problemas de frente

Nós seres humanos somos dotados de algo muito especial: o livre arbítrio.

Livre arbítrio é a possibilidade que temos de decidir ou escolher em função da própria vontade.

E o livre arbítrio também se aplica quando o assunto são nossos problemas.

Temos basicamente duas opções: evitar os problemas ou encará-los e corrigi-los.

Evitar o problema nos dá uma sensação de alívio no curto prazo, mas isso não resolve a questão, e geralmente os problemas que ignoramos se agravam e pioram.

Se nossas finanças estão ruins temos a tendência de não querer ver as contas, jogando-as dentro da gaveta e deixando que se acumulem, gerando juros e multas por atraso.

Costumamos dizer que comer só um docinho não será um problema, mas temos dificuldade em fazer algo (hoje!) para efetivamente diminuir de peso (que é muito menos prazeroso que comer um doce).

Nossos relacionamentos, carreira e vida em geral, poderiam passar por alguns ajustes, mas dificilmente paramos (e fazemos algo) para melhorá-los. E vamos apenas levando…

Zeca Pagodinho pode até ter feito uma música legal, mas aquela frase “Deixa a vida me levar… vida leva eu…” é a pior coisa que você pode desejar para seu futuro.

“Enterrar a cabeça na areia” e fingir que um problema pode ser resolvido depois, ajuda até certo ponto – você evita o desconforto do qual tem medo –, mas depois que você tira a cabeça do buraco e olha para cima, percebe que está em uma situação muito pior.


O melhor é encarar seus problemas de frente

Quando você encara seus problemas, tem uma conversa parecida com essa consigo mesmo:

“Ok. Aqui é onde estou. Foi isso o que aconteceu. Sou responsável pela situação e abordá-la de frente – embora desconfortável – levará a uma solução ou a tranquilidade de saber que fiz tudo o que pude para melhorá-la.”


Transformando os problemas em sua cabeça e dominando sua mentalidade

Quando foi a última vez que você encarou as coisas de maneira real e assumiu a responsabilidade por sua vida?

Quais são os seus problemas? E quais deles você está racionalizando? Você está culpando alguém ou algo quando o problema está realmente em você? (quase sempre está em você!)

Quando você encara os problemas de frente, constrói músculos emocionais que crescem como resultado do estresse causado por lidar verdadeiramente com um problema. Você não apenas pode produzir um resultado melhor, mas também aumenta os créditos na sua conta pessoal de confiança e resiliência.

Faça isso com bastante frequência e você terá a recompensa de poder dizer: “Sou alguém que pode lidar com a minha própria vida”.

Há algo de assustador e vulnerável, mas, ao mesmo tempo, poderoso e libertador em ficar emocionalmente aberto às circunstâncias da vida, lidando com elas com um senso de responsabilidade descontraído e as tratando como partes da vida que você inevitavelmente encontrará ao longo da jornada, sem precisar se ‘pré ocupar’ com elas.

No final das contas a única certeza que temos é que o dia de hoje vai terminar (por pior ou melhor que seja) e que amanhã começa tudo de novo.

Por isso, encare os problemas.

Desde as pequenas coisas como lidar com um cliente em seu trabalho ou as grandes, como mudar sua vida, o melhor caminho é geralmente o mesmo.

Empreendedores são pessoas que adoram problemas pois sabem que atrás de cada problema existe uma oportunidade.

Descubra se você também tem o perfil de sucesso de um empreendedor. Clique ou toque no botão abaixo para ver o vídeo.

https://www.youtube.com/channel/UCT1Hx2KgpOtLlHlIbCA5nLg

2 comentários em “Como as pessoas emocionalmente inteligentes lidam com sabedoria com seus problemas

  1. Pingback: bom negociador

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: